top of page
  • Foto do escritorEtec de Ibitinga

OUTUBRO ROSA 2021


DATA: 25/10/2021 - O Outubro Rosa é uma ação internacional de conscientização para o controle do câncer de mama, criado no início da década de 1990, pela Fundação Susan G. Komen for the Cure (organização sem fins lucrativos, norte americana, que presta auxilio a paciente com câncer de mama). A celebração tem por objetivos: divulgar informações, conscientizar sobre a doença, proporcionar maior acesso a diagnóstico e tratamento, e reduzir a taxa de mortalidade.

CAUSAS

Não há uma causa específica, há um conjunto de fatores de risco que aumentam as chances de desenvolver a doença, sendo os Fatores divididos em:

Ambientais e Comportamentais: obesidade e sobrepeso, inatividade física, tabagismo, consumo de bebida alcoólica, etc.;

História Reprodutiva e Hormonal: menstruação antes de 12 anos, não ter tido filhos, gravidez após os 30 anos, menopausa após os 55 anos, uso de contraceptivos hormonais (estrogênio-progesterona), reposição hormonal pós-menopausa por mais de 5 anos, etc.;

Genéticos e Hereditários: histórico de câncer na família (ovário ou mama, antes do 50 anos), alteração nos genes BRCA1 e BRCA2, etc.;

PREVENÇÃO

Aproximadamente 30% dos casos de câncer de mama poderiam ser evitados com a prática de hábitos saudáveis como: atividade física regular, peso corporal em níveis saudáveis, evitar o consumo de bebidas alcoólicas, não fumar, e amamentar, etc.;

SINAIS/SINTOMAS

As mulheres devem adotar como hábito observarem suas mamas, em momentos cotidianos, como banho, troca de roupa, etc, sem uma técnica específica, apenas observando e tocando, ficando atentas as pequenas alterações nas mamas. Em caso de persistência destas mudanças estas devem procurar os serviços de saúde para uma avaliação.

Algumas alterações causadas pelo câncer de mama que podem ser observadas: nódulo/caroço ( fixo e indolor), pele da mama (avermelhada, retraída ou com aparência de casca de laranja), alterações no bico do peito/mamilo, pequenos nódulos na região das axilas ou pescoço, saída espontânea de líquido anormal pelos mamilos.

DIAGNÓSTICO

Estas alterações devem ser investigados para que se confirme se tratarem de um câncer ou não. Esta investigação pode ser feitas por meio de um exame clínico das mamas ou exames de imagem (mamografia, ultrassonografia ou ressonância magnética). Porém a confirmação do diagnóstico de câncer de mama só é feita através de uma biópsia, que se trata da remoção de parte do nódulo ou da lesão suspeita, esta retirada pode ser por meio de punção (agulha) ou cirurgia. O material retirado é analisado; e é feito o diagnóstico por especialista.

TRATAMENTO

Devido a diversos avanços na Medicina, sabemos hoje que a doença pode ser apresentar de diversas formas e diversas tratamentos podem ser utilizados. O tratamento do câncer de mama varia conforme o estágio da doença e do tipo de tumor, podendo ser cirurgia, radioterapia, quimioterapia, hormonioterapia e terapia biológica (terapia alvo). Detectada em estágio inicial a doença tem grande chances de cura, por isso a importância do diagnóstico precoce.


FONTES:


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page